domingo, 29 de novembro de 2009

São Paulo


Le Corbusier apresenta, também, propostas para a cidade de São Paulo

Por fim, as áreas verdes, que estariam convivendo em harmonia com a cidade moderna. No centro, circundando os arranha-céus e nas áreas residenciais como parques, tal explica Le Corbusier: “O apartamento da cidade pode ser construído sem pátio e longe das ruas, com as janelas dando para parques extensos. A cidade moderna deve aumentar sua densidade ao mesmo tempo em que aumenta consideravelmente as superfícies arborizadas.”

A partir destes conceitos, Le Corbusier definiu o que seria o urbanismo moderno.Mentor do CIAM, espalhou discípulos mundo afora, todos comungando idéias para a reformulação de cidades e para o renascimento da nova cidade moderna.

Le Corbusier apresenta, também, propostas para a cidade de São Paulo. Das características da proposta pode-se resumir no objetivo de se ligar de cume a cume, as colinas da cidade, com grandes viadutos para não sobrecarregar a cidade com seus veículos, já que, segundo ele, ao se anularem os caminhos da cidade, fim das rotas, os congestionamentos acabam por sobrecarregar e desvalorizar a cidade. Conseqüentemente, as modificações nos eixos viários tendem a valorizar a cidade por seus veículos.

Ele propunha o desenvolvimento de seus viadutos em estrutura de concreto armado em pilares, e não em “arcos custosos”, para que fosse viável a ocupação destas áreas abaixo das autopistas com edifícios de escritório e habitações em cubos. Era considerado por ele como “um projeto preciso, uma lei”.

Através de seus croquis, Le Corbusier apresentava propostas em que se percebiam intervenções no ambiente urbano e no relevo. Porém, estas intervenções não eram ressaltadas em seus croquis, consistia apenas em exemplos a ser apresentados, onde seu significado ficava à margem da interpretação de cada um.

Relevantes se fazem as questões relacionadas ao desenvolvimento da indústria do automóvel e a percepção, por Le Corbusier, da futura estagnação do sistema viário e as conseqüências disto para o ambiente urbano.

Nenhum comentário:

Postar um comentário